TED e DOC: Qual a Diferença e Bancos com Menores Taxas

Ambos permitem a transferência de dinheiro para os mais diversos fins. Entenda as diferenças entre TED e DOC.

Publicidade



TED significa transferência eletrônica disponível; DOC, documento de ordem de crédito. As duas siglas representam operações de transferência de valores entre correntistas com contas de duas instituições bancárias diferentes. Estes serviços, no entanto, não estão em todas as situações. Entenda as diferenças entre TED e DOC.

Antes disto, porém, uma semelhança entre as duas operações: independente de a transferência ser feitas entre contas do mesmo titular ou de titulares diferentes, as regras estabelecidas pelo Banco Central do Brasil (BACEN) são as mesmas, a menos que o banco do correntista estabeleça liberalidades em algumas situações. Liberalidades são benefícios que podem ser retirados a qualquer momento.


+ Leia também: Como Investir no Tesouro Direto – Passo a Passo

ted ou doc

TED e DOC: Entenda as diferenças entre eles

Outra semelhança é que DOC e TEC são classificados como do tipo “D” ou “E”. As operações do tipo “D” só podem ocorrer entre contas com a mesma titularidade ou CPF (quando marido e mulher unificam o registro no CPF).

As transferências do tipo “E” são reservadas para correntistas com titularidade diferente. Em ambos os casos, no momento da operação, é necessário ter em mãos: o CPF ou CNPJ (em caso de transferência para uma empresa ou mesmo para uma igreja, como donativo) e os dados bancários do beneficiário (banco, agência e conta; alguns bancos exigem também o dígito verificador). O emissor precisa informar também se a conta beneficiada é uma conta corrente ou de poupança.

As diferenças entre DOC x TED

Com um DOC, é possível transferir até R$ 4.999,99. A TED estabelece um piso – atualmente, de R$ 750, mas pode variar de acordo com o relacionamento entre o cliente e o banco –, mas o limite é bem mais elevado: R$ 30.000.

Estes valores podem variar de acordo com novas determinações da equipe econômica. O tempo para a o efetivo depósito na conta do beneficiário é uma das principais diferenças: com um DOC, o dinheiro fica disponível em 24 horas; com a TED, é transferido em poucos minutos, da mesma forma que ocorre entre transferências entre agencias de um mesmo banco.

Os limites de horários também para esta operação bancária também são diferentes. Seja de um terminal de autoatendimento, seja através do netbanking, o horário limite para realizar uma TED é às 17h, mas cada instituição bancária pode fixar horários anteriores a esta orientação do BACEN.

O horário para a transferência por DOC é mais dilatado: até às 21h59. Depois disto, o correntista pode agendar a transferência para o dia seguinte. Em qualquer situação, não é possível fazer DOCs nem TEDs durante os fins de semana.

Antes de escolher entre DOC e TED, informe-se na sua agência sobre outros prazos e condições. É importante também consultar as tarifas de cada opção: se uma transferência de menos de R$ 5.000 não for urgente (por exemplo, pagamento de uma conta com vencimento no dia seguinte), o DOC é mais indicado, a menos que as tarifas cobradas sejam as mesmas ou apresentem diferenças mínimas.

Quanto cada Banco cobra por TED / DOC?

tarifas ted doc


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *