Morar no Rio é caro? Quanto Custa um Apartamento no RJ

Para alugar ou comprar, confira quanto é o investimento para um imóvel de 60 metros quadrados na Cidade Maravilhosa.

Publicidade



O Rio de Janeiro é uma cidade de extremos. O valor dos imóveis caiu, em maio de 2015, pela primeira vez desde 2008, mas continua sendo o mais caro do Brasil: em média, o metro quadrado está avaliado em mais de R$ 10 mil. Os valores, no entanto, são muito variáveis: um imóvel de 60 metros quadrados em Copacabana custa entre R$ 600 mil e R$ 3 milhões.

morar no rio


Quanto custa um imóvel de 60 metros quadrados no Rio de Janeiro?

Em Vila Isabel, no entanto, o preço é bem mais baixo. O “berço do samba do Rio de Janeiro” cobra apenas R$ 350 mil por um imóvel de 60 metros quadrados. O motivo da diferença é que os bairros da orla marítima são muito caros. Ipanema, Copacabana e Leblon, por exemplo, praticam preços absurdos em relação aos bairros das zonas norte e oeste.

Um apartamento de 60 metros quadrados em Ipanema pode ser alugado por até R$ 17 mil (em média, ficam em R$ 10 mil). É o que revela uma pesquisa da Properati, imobiliária da capital fluminense.

Financiar imóvel é uma boa?

+ Leia: Como Comprar uma Casa Financiada pela Caixa

Quem tem disponibilidade financeira para bancar a entrada de um apartamento – entre 20% e 30% do valor do imóvel –, no entanto, deve renunciar ao aluguel e partir para a compra do imóvel. A parcela mensal do aluguel é mais barata do que o financiamento, mas é preciso admitir que ela não tem retorno. Paga-se o aluguel e não existe nenhum retorno para este investimento.

apartamento no rio

Seja como for, quem está começando uma carreira, acabou de mudar de emprego ou não filhos planejados no curto prazo, não deve pensar que o aluguel seja um dinheiro jogado fora. A mobilidade garantida por uma casa alugada compensa o eventual desperdício.

Uma pessoa solteira pode deslocar-se para outra cidade – mesmo para o exterior – e investir em um imóvel, mesmo que seja de 60 metros quadrados, seria um desperdício, a menos que haja muita disponibilidade de caixa.

O importante é calcular se a mensalidade do imóvel é compatível com a renda familiar. Especialistas aconselham a não comprometer a renda doméstica em mais de 30%, mas isto depende dos valores “que entram no caixa”. Em geral, famílias de baixa renda têm maior dificuldade em comprometer os rendimentos.

+ Confira: Como Comprar um Imóvel Financiado pela Caixa

Verifique o seu orçamento. Para quem tem rendimentos de R$ 5 mil e pode pagar R$ 100 mil de entrada, os bancos emprestam no máximo R$ 240 mil, em um financiamento de 30 anos para pessoas entre 18 e 35 anos. Com um salário de R$ 10 mil e capacidade para entrada de R$ 250 mil, o financiamento sobre para R$ 540 mil.

Tome muito cuidado. Muitos candidatos à aquisição de um imóvel só descobrem que os bancos não autorizam o financiamento do imóvel desejado depois de pagar o sinal para o vendedor, em torno de 10% do valor total.


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *