Cursos Preparatórios para o Exame da OAB

Para exercer a advocacia, é preciso passar no exame da OAB, mas é preciso preparar-se muito bem.

Obrigatório para os bacharéis de Direito que queiram praticar a advocacia, o exame da OAB – Ordem dos Advogados do Brasil – tem sido uma pedra no sapato para os profissionais da área: entre 2010 e 2012, apenas 18,5% dos candidatos (menos de um em cada cinco) foram aprovados. Isto tem aumentado a demanda por cursos preparatórios, já que a graduação não consegue preparar os estudantes para atuar no mercado.

Muitos especialistas criticam o excesso de severidade do exame da ordem e mesmo o valor da taxa de inscrição (atualmente em R$ 200), afirmando que o processo seletivo se tornou um caça-níqueis, mas o motivo para tanto insucesso parece estar na qualidade dos cursos de Direito do país.



Em 2011 por exemplo, 136 cursos de Direito, com resultado insatisfatório no CPC (Conceito Preliminar de Curso) tiveram quase 11 mil vagas canceladas. Além disto, outras 16 faculdades com avaliação negativa no IDD (Índice de Desempenho Observado e Esperado) sofreram sanções como redução de vagas, supervisão pelo MEC (Ministério da Educação) e cancelamento do processo seletivo.

Cursos Preparatórios para o Exame da OAB

oab

No mesmo período, apenas 1,5% das instituições de nível superior obtiveram a nota máxima no ENADE (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes). Isto significa que é preciso escolher muito bem a faculdade, antes de se inscrever. É necessário verificar a situação do curso nas avaliações do MEC, visitar as instalações, a formação dos professores, conversar com ex-alunos, etc.

Em alguns casos, algumas graduações não servem nem mesmo para prestar um concurso público, mesmo em outra área. É preciso matricular-se em cursos preparatórios, que devem ser escolhidos de acordo com os mesmos critérios adotados para a avaliação da faculdade. Na página “OAB recomenda” do site da instituição (www.oab.org.br), estão relacionados os melhores cursos, de acordo com as notas do ENADE e o desempenho nos dois últimos exames da OAB.

Além disto, futuros advogados devem se manter atualizados. Ainda de acordo com a OAB, 45% dos candidatos aprovados eram recém-formados; 23% dos que faziam o exame pela segunda vez obtiveram êxito e, entre os que faziam sua oitava tentativa, apenas 0,27% conseguiram a carteirinha da ordem.

Vale a Pena Fazer um Curso Preparatório para OAB?

oab exame

Cursos preparatórios são classificados na categoria “livre”. Isto significa que eles não são supervisionados pelo MEC, não possuem carga horária mínima, nem conteúdo curricular especificado. Isto não quer dizer, no entanto, que sejam ruins: é a mesma categoria dos cursos de informática, idiomas, etc.

Existem cursos preparatórios para o exame da OAB presenciais e online: a escolha fica por conta da disponibilidade de tempo do candidato, mas é importante lembrar que este é um período de muitos estudos e, sem dedicação, o êxito é quase impossível.

Praticamente todos os cursos para concursos públicos e diversas faculdades de Direito também oferecem cursos preparatórios para os bacharéis atuarem como advogados. É importante se eles abordam todo o conteúdo exigido pelas duas fases do exame da OAB (prova objetiva e prova prático-profissional). A qualificação profissional dos professores e a disponibilidade de plantões tira-dúvidas também são fundamentais para aumentar as chances de aprovação.


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *