Como Fazer uma Resenha Crítica

Quando se estuda no ensino fundamental e médio as atividades do estudante que giram em torno dos conteúdos aprendidos e obras lidas quase sempre se resumem em provas e pequenos trabalhos, em sua maior parte sem muita profundidade, buscando mais que o aluno conheça a história do que entenda seu contexto propriamente dito. Hoje daremos dicas de como fazer uma resenha crítica, também citaremos alguns exemplos de resenhas e ao final você poderá encontrar uma resenha crítica pronta, para ter como base na hora de escrever.

Quando este aluno inicia a vida acadêmica no ensino superior, a responsabilidade diante dos conteúdos muda: as atividades em relação a tudo que se lê se tornam mais profundas, exigindo mais do aluno. Uma das atividades mais pedidas quando se trata de leitura, seja de obras ou de artigos relevantes, são as resenhas críticas. Mas o que é e como fazer uma resenha crítica?

Escritor



O que é resenha?

A resenha nada mais é do que uma produção de texto no qual o escritor apresenta ao leitor um determinado objeto: livro, filme, show, lugar, enfim, algo de cunho cultural. Neste texto é preciso descrição e por muitas vezes uma avaliação por parte do escritor, instigando o leitor a saber sobre o objeto que se fala. Existem diversos tipos de resenha, dentre elas a descritiva, científica e a resenha crítica, objeto deste artigo.

O que é a resenha crítica?

A resenha crítica também pode ser chamada de resenha opinativa. Além da estrutura textual característica da resenha, essa subcategoria se diferencia pelo fato de ser bem mais detalhada, mais aprofundada. Isso acontece, pois neste tipo de resenha o escritor precisa apresentar um juízo de valor sobre a obra, ou seja, ele vai além da superfície da obra, do ser bom ou ruim, para fundamentar sua opinião sobre o objeto resenhado.

Como fazer uma resenha crítica?

A resenha crítica tem que ir além do mero texto informativo e do resumo da obra. Ela precisa expressar a opinião de quem escreve. A resenha deve ser uma síntese da obra e das observações, direto ao ponto. É preciso que o texto contenha um breve resumo da obra seguido da análise dos pontos fracos e fortes na visão do escritor.

É preciso se abordar os pontos fracos e a serem melhorados, mas sem que para isso, o escritor seja indelicado em suas palavras. Assim também deve agir na hora de analisar os pontos fortes e positivos, sem demasiados elogios, nem bajulações.

Apesar do estilo de estruturação do texto seja livre, algumas dicas são importantes na hora de fazer uma resenha crítica:

  • O texto deve ser direto e não muito extenso.
  • A resenha não deve apresentar sub-tópicos e intertítulos, o texto corrido é a melhor opção.
  • Resumir a obra é tão importante quanto situá-la historicamente e culturalmente.
  • A resenha deve sempre contar com os seguintes itens: Título, referência bibliográfica, informações sobre o autor da obra, resumo sobre o objeto resenhado e avaliação crítica do autor.

Lembre-se que o resumo da obra deve sintetizar os pontos essenciais para o entendimento da obra, não recontar a história.

Apesar de a resenha crítica ser um item apresentado para muitos na vida acadêmica do ensino superior, sua produção não se limita à Universidade. Existem muitos sites, jornais e revistas que contratam pessoas para a produção de resenhas, sendo assim, a resenha crítica uma boa porta também para o mercado de trabalho.


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *