Arquitetura Moderna – História, Fotos, Casas e Informações

Denomina-se genericamente de arquitetura moderna uma série de movimentos e escolas arquitetônicas que caracterizaram as produções provenientes da arquitetura no decorrer dos anos iniciais do século XX, nos períodos que englobam as décadas de dez a cinquenta, contextualmente inseridas no âmbito artístico e cultural do movimento modernista.

Embora não haja características modernas específicas, há várias origens dessas manifestações na arquitetura, fala-se em Bauhaus, na Alemanha; em Le Corbusier, na França, entre tantos outros que puderam ser encontrados no chamado Congresso Internacional de Arquitetura Moderna – o CIAM, cujo propósito foi o de atrelar um ideário de convergência em alguns aspectos comuns para esse tipo de arquitetura.

Arquitetura Moderna



Arquitetura Moderna

Em linhas gerais, um dos princípios básicos da era moderna foi o de renovar a arquitetura e abandonar radicalmente toda a arquitetura anterior a esse movimento; especialmente a arquitetura do século XIX, manifestada no ecletismo. Ainda que bastante multifacetada, a arquitetura moderna se caracteriza mesmo pela rejeição dos estilos históricos, basicamente no que diz respeito à devoção ao ornamento, acusada por sua superficialidade e caráter supérfluo na ocasião com métodos estabelecidos pela academia, ditando todo um estilo arquitetônico rebatido pelos modernos.

Desse modo, e dito de outra maneira, a proposta da arquitetura moderna é o de construir uma arquitetura sem ornamentos, o que foi predominante nas décadas de dez e de vinte desse século, com a criação de espações e objetos abstratos, geométricos e minimalistas.

Arquitetura Moderna

Outros aspectos que caracterizam a arquitetura moderna é a exploração do conceito do design atrelado às confecções arquitetônicas a partir de então, essa abordagem dá ao arquiteto moderno mais liberdade para ser criativo e inovador em suas criações e não apenas se responsabilizar com edifícios econômicos, úteis e práticos; mas relacioná-los ao bom gosto e a personalidade e estilo de seu cliente. Ademais das ideias de que menos é mais e de que a forma segue a função, ou seja, é preciso ser prático e claro na arquitetura moderna.

+ Leia também:

Assim como todas as artes e ciências evoluem conforme a evolução do tempo e do espaço em que se inserem, com a arquitetura moderna não foi diferente. Com grandes transformações urbanas decorrentes do crescimento demográfico europeu no século XIX e com o rápido processo de industrialização das cidades, a qualidade de vida da população diminuiu e o preço dos terrenos aumentou. Houve o aumento das periferias, mas também houve a superlotação nos centros das cidades, tendendo à verticalização dos prédios, cada vez mais altos, tendo como seu símbolo, os arranha-céus.


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *