Medicina na Bolívia, Argentina ou Exterior

O Fantástico fez uma matéria especial mostrando como é cursar medicina na Bolívia, o que nos fez sentir interesse em criar um artigo detalhando maiores informações para quem deseja fazer medicina na Bolívia, medicina no Argentina ou medicina no exterior.

Sabemos que a faculdade de medicina no Brasil é algo caro, e para poucos pois são poucos os que conseguem de fato passar em uma universidade federal ou estadual para cursar medicina no nosso país.
Com mensalidades exorbitantes e candidatos mais carentes tendo se formado com ensino médio e fundamental de baixa qualidade, eis que surge a oportunidade de fazer medicina na Bolívia ou medicina no Argentina.

Medicina



Medicina no Exterior

A cidade Santa Cruz de la Sierra na Bolívia é conhecida por ser um grande polo educacional, com mais de 15 universidades, dentre elas algumas de Medicina, onde 90% dos seus estudantes são brasileiros. Isso ocorre pois os estudantes carentes não conseguem se qualificar no ensino fundamental e médio para tentar concorrer a uma vaga em universidades públicas do Brasil, e não possuem condições financeiras para pagar uma faculdade particular de medicina, por isso optam em mudar de país para tentar seu sonho, que no caso seria cursar medicina.

Em Santa Cruz na Bolívia por exemplo, a mensalidade de uma faculdade de medicina varia entre $80 e $600, tendo uma média de $150, o que daria cerca de R$250 (reais).
Com transporte, alimentação, moradia e gastos extras, um estudante de medicina na Bolívia gastaria cerca de $500 a $600 dólares, o que da uma faixa de R$800 a R$1.000 (sem conforto). Um valor muito abaixo do que se gastaria cursando medicina no Brasil por exemplo, onde existem faculdades que cobram cerca de R$4.000 por mês.
Esse exemplo serve também para o caso de cursar medicina no Paraguai.

Medicina
Bolívia, Paraguai e Argentina são os lugares mais procurados pelos brasileiros para cursar medicina fora do Brasil.

O problema estaria no CRM, que não valida a atuação do médico formado no exterior, seja Bolívia, Argentina ou Suíça (qualquer país) exercer no Brasil. Para um médico formado na Bolívia, Paraguai, Suíça ou qualquer lugar do mundo exercer a função dele no Brasil, é necessário passar por um processo de revalidação do diploma, que pode acabar custando caro.

Então se você pretende fazer medicina na Bolívia ou Argentina, saiba que não é fácil, além dos problemas em ter que morar sem conforto algum em outro país; após concluir o curso, o médico sem CRM ainda terá de revalidar seu diploma no território nacional brasileiro se quiser atuar como médico aqui.


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

32 comentários em “Medicina na Bolívia, Argentina ou Exterior

  1. POR FAVOR!!!!!!!
    “Esse exemplo serve também para o caso de cursar medicina no Argentina.”
    Disculpe-me, mas discordo plenamente!! Estudo em uma Universidade Adventista, na Argentina, e para ingressar no curso tive que aprovar um exame de ingresso (o que não deixa de ser um vestibular), vivo em uma cidade perto de uma capital provinciana onde tem a Universidade, Hospital Universitario, um Centro de Vida Sana… e o que não me falta é conforto!!
    PS: e os preços, ao menos onde estudo, não são tão baixos como mencionados…

    1. Muito obrigado pelo seu comentário Bruno!

      É através dos nossos comentários no site que podemos obter ainda mais informações.

      Eu só expus o que coletei de informações na internet, e nada melhor do que alguém que estuda medicina na Argentina para nos explicar melhor.

      Atenciosamente,
      Equipe CursoGratisOnline.

    2. CONCORDO COM VOCE PLENAMENTE…
      ESTOU ESTUDANDO MUITO PARA TENTAR ENTRAR NUMA OTIMA UNIVERSIDADE EM BUENOS AIRES E TENHO MUITO CONFORTO SIM….QUANTO AOS PREÇOS,TAMBEM NÃO SÃO TÃO BAIXOS ASSIM COMO FOI MENCIONADO….

  2. ola eu discordo parcialmente dessa reportagem de domingo que o fantastico preparou
    pois a midia faz questao de escolher as piores universidades da bolivia para passar na tv e desmotivar muitos brasileiros e sabe porque ? porque é a concorrente das univesidades brasileiras pois claro eles estao perdendo alunos para o estrengeiro devido ao valor das mensaliddes se eles nao pegassem tao pesado nas mensalidades com crtz nos brasileiros optariamos por estudar aqui mas como nao é o caso ., eles preparam esse tipo de reportagem q em boa parte é uma mentira e poucas coisas realidade tive 3 amigas minhas ja q estudaram duas delas na udabol na bolivia uma das melhores universidades de la e foi revalidada aqui claro facil nao foi mais oq é facil hj em dia ? em 1 ano ela conseguiu e a outra fez na uba argentina e da mesma forma conseguiu e td isos sem falar nos bolivianos natos que tem de monte aqui no brasil trabalhando reconhecido se pra eles q nem nacional sao conseguiram entao nao é um bicho de 7 cabeças claro demanda de esforços masi td hj é assim nada é de graça…………..essa reportegem serviu para amedrontar os brasileiros com informaçoes nao tao verdadeirias assim é muito facil quando nao é de interesse do brasil mostrar para a populaçao a favela do que o palacio, pois nao é de interesse motivar e sim desmotivar porq dessa meneira vai menos estudantes pra fora e concentra mais aqui no brasil……..

    1. ola, gostaria de saber mais noticias de como consigo ir para a Bolivia estudar, tbm pretendo ir ano que vem, e ainda nao sei onde procurar as melhores faculdades, ja tive informacao que o paraguai eh mais facil e mais comodo, vc tem alguma informacao de telefone de faculdade, alojamento, enfim, alguma coisa para me passar para eu ir me preparando ja.
      um abraco
      ju

    2. Concordo com vc,nem td que foi públicado é verdade,pois tenho uma filha que estuda medicina na Bolivia cidade de Cochabamba,aqui é muito bom e vivemos confortavelmente,inclusive tem muitos brasileiros,ñao vive confortável e nem se alimenta bem quem ñao quer…

  3. Uma reportagem ” xula ” , “incompleta ” e erronea de um assunto de extrema importancia, que diz respeito a milhares de estudantes que buscam fora a oportunidade de realizar um sonho !!! Estudar no nosso pais eh um previlegio quando deveria ser uma necessidade !!! Um previlegio acessivel a poucos , pois nem todos tem condiçoes de pagar R$ 6.000,00 de mensalidade ( fora os livros ) !!! Em nenhum momento ressaltaram o acordo firmado durante a reunião de cúpula do bloco realizada na cidade argentina de Tucumán, (Projeto de Decreto Legislativo (PDS) 636/10) ,onde estabeleceram um mecanismo de credenciamento definitivo de cursos de graduação nos países do Mercosul, acordo este que ajudará a resolver os problemas de milhares de jovens que têm seus diplomas contestados , cujo o relator do acordo foi o Senador Cristovam Buarque (PDT-DF) !!! Foi ridicula essa materia !!! Deixaram de levar aos estudantes uma informaçao extremamente preciosa que poderia acalentar a afliaçao a muitos que, inevitavelmente , alimentam a incerteza de um futuro profissional incerto !!! O pior foi ouvir falarem que ” existem medicos suficiente no Brasil ” quando todos os dias vemos na midia o caos que eh o sistema de saude …., um sistema falho, insuficiente , inficaz ….

    1. manda pra mim informacoes para que eu possa tbm me candidatar nesta empreitada….to programando ir para o exterior (bolivia ou paraguai) ano que vem, entao, estou organizando artigos e informacoes para chegar ja nos lugares certos.
      um abraco…

  4. Ola,Concordo com os meus colegas a reportagem do fantastico foi no minimo vergonhosa,falaram de forma discreta que as faculdades do exterior tem um estudo muito inferior as do Brasil apartir do momento que disseram que uma pequena parcela desses estudantes conseguei validar sua diploma aqui no BRASIL,eu creio que isso devia mudar,as faculdades aqui deviam se tornar disponivel a todos o que nem de longe acontece hoje,eu mesma que ja tentei tantas vezes fazer medicina no Brasil vou para fora para fazer,eu e todos aqueles que tem o desejo de ser medicos, tem o direito de realizar seus sonhos.
    Eu pesso para quem ja estuda fora me passe algumas informações sobre as fuculdades.

  5. é duro ouvir falarem que ” existem médicos suficiente no Brasil ” quando todos os dias vemos aos hospitais e é um caos o sistema de saúde …., um sistema falho, insuficiente , a Região do querido JOSÉ SARNEY- MARANHÃO é um estado de pobres sem apoio
    onde estão fechando os SOCORROES por falta de médicos, e de investimentos.
    É chegado a hora senhores POLITICOS BRASILEIROS de ajudarem os que estão lutando por um PAÍS MELHOR com atendimento na área da saúde de qualidade, é triste ver nosso próprio PAÍS FECHAR AS PORTAS, porque pra vocês medicina de valor é aquela que se paga 6.000,00 (seis mil reais ) por mês. AVALIEM O ENSINO E APRENDIZAGEM DOS NOSSOS FUTUROS MEDICOS E NOS AJUDEM

  6. No Brasil desde a sua descoberta somos colônia regida por capitanias e concessões hereditárias, nada mudou, nem concessão de radios, TV, legalização de cursos e assim por diante vivemos governados por máfias,entre elas a máfia do ensino superior.. esse tópico traz ao ar no mínimo como poderia ser um país que realmente tivesse uma política voltada a educação,ou seja, muitas faculdades, preço baixo ou subsidiado,, depois não adianta achar ruim que os argentinos nos achem verdadeiros “macaquitos” ignorantes,, eles tem razão. Pagamos entre os maiores impostos e preços do mundo , temos uma pobreza explorada pelos poucos que podem se dar ao luxo de pertencer a uma dessas máfias,,, ou seja no Brasil quem pode pode, quem não pode se sacode,,, ou fica fazendo milhões de anos em cursinho e sacrificando toda a família em prol de um diploma que nem sempre garante um bom trabalho,, afinal está cheio de macaquitos a serem explorados…Nesse ponto a argentina da de 10 a Zero no Brasil.

  7. Ola boa noite. Meu nome é germano jenevani sou nutricionista e gostaria de saber como faço para iniciar a faculdade de medicina.

    Aguardo retorno.
    Desde ja agradeço.

  8. boa tarde ¡¡¡¡¡¡¡¡¡ sou estudante de medicina na bolivia, sou contra a vinda de brasileiros para bolivia, devem tentar o vestibular fies algo do tipo, a nao ser que vc tenha um objetivo de estudar mesmo, aqui as facus sao otimas quem estragam elas sao os proprios brasileiros, que nao tem estrutura familiar ou educacao, com sigo e com outros mesmo…nao valorizam, o curso,fiquem ai mesmo, vamos ser colegar de facu ….

  9. Olá amigos,,, peço a quem de entendimento que, se possivél me informar ou opinar a respeito ,,, Gostaria muito de cursar uma faculdade de medicina fora do Brasil,,, uma vez que ficaria impossivel pra algumas ´pessoas, inclusive para mim, pagar o absurdo de aproximadamente 6.000.00, (seis mil reais)de mensalidade mais custos dos livros, etc…, gostaria de informaçoes a respeito de preço, condiçoes gerais, e tudo que se relaciona ao curso desejado por mim,,, lembrando que ja possuo uma faculdade de DIREITO, abraço e aguardo com urgencia….

  10. É incrivel como uma emisora do porte da rede globo que se diz diz impacial faz uma reportagem daquela aonde a mentira reinou do começo ao fim.Talvez sustentada pelo interesse das faculdades particulares do brasil,mostraram uma realidade que não passa nem perto da verdade.que a bolivia é tradicional no ensino médico isso todos sabemos,mas que o brasil tem seus pontos fracos nós sabemos também.Agora pintar aquele cenário que eles mostraram é no minimo vergonhoso para uma emissora que diz prezar pella verdade.Atraves da internet e redes sociais pode se ver que a coisa não chega nem perto do que foi veiculado no programa.Hoje na bolivia há jovens até filhos de médico esstudando e há aqueles que vivem com menos,mas dizer que há quem tenha só uma uma balinha no almoço é no minimo um desrespeito para com seus telespectadores.

  11. Na verdade , eu acho que é bem melhor fazer pesquisa de medicina em outros paises do que no Brasil pois o preço é muito alto adquirir o esforço do estudante que é da o seu melhor. Pois hoje em dia você tem que ter o ensino médio completo para trabalhar em um trabalho simples e honesto mais se todos querem um futuro melhor para nós ser médico no nosso pais de origem temos que nos esforçar para sermos oque quremos ser e ter orgulho de sermos oque gostamos eu estudo e do o maximo de mim para ser medica profissional e ter varios amigos médico,enfermeiros, ser oque queremos o meu sonho é esse e eu vou correr atrais.

  12. Gostaria de saber pessoal qual seria a universidade melhor para eu cursar medicina no exterior e o que seria necessário para eu fazer este deslocamento?

  13. Infelizmente estamos no caminho errado pois o BRASIL NÃO PRECISA DE MAIS MEDICOS ,POIS A NECESSIDADE PELA OMS É DE 1/ 1000 HABITANTES E NOS JA PASSAMOS FAZ TEMPO ESTA MARCA ,ESTAMOS MAL DISTRIBUIDOS E MAL REMUNERADOS ,TENHO CONTATO CO RECEM FORMADOS DE MEDICINA E A QUALIDADE É PESSIMA DOS CONHECEIMENTOS MESMO AQUI NO BRASIL E NO EXTERIOR É PIOR AINDA É ALARMANTE E PERIGOSO DEIXARMOS A PRATICA DA MEDICINA NA MAO DELES ,DEVERIAMOS LUTAR PARA REGULARIZAR A LEI DO ATO MEDICO PARA PODERMOS CRIAR A ORDEM DOS MEDICOS DO BRASIL E OS RECEM FORMADOS FAZEREM UM PROVA SEMELHANTE AO DA OAB ,E SO COM A APROVAÇAO PODEREM EXERCER E CURSAR UMA RESIDENCIA MEDICA ,ALEM DISSO O MEC DEVERIA FECHAR AS FACULDADES QUE NÃO OFERECEM A MINIMA CAPACIDADE DE FORMAÇAO DE ALUNOS QUE SÃO VARIAS

  14. Ola pessoal, gostaria de pergunta se para estuda em pedro juan caballeiro- paraguay precisaria de passaporte e vista, sendo que la e a fronteira com ponta pora-mt,obrigado, aguardo, resposta. Samuel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *