Engenharia de Petróleo – Curso, Faculdade, Profissão e Salários

Trata-se do conjunto de técnicas para a descoberta de novas jazidas. Conheça o trabalho da Engenharia de Petróleo.

O bacharel em Engenharia de Petróleo, mais conhecido como engenheiro de Petróleo, trabalha em petroleiros, refinarias, plataformas marítimas e indústrias petroquímicas. Seu objetivo é encontrar novas jazidas de óleo e gás que sejam viáveis comercialmente e trabalha ainda na exploração, transporte e comercialização destes minérios.

Este profissional precisa dominar conhecimentos profundos de geofísica, mineração e geologia (além das artes e ciências da engenharia) para racionalizar a produção e também para desenvolver novas tecnologias. Um exemplo disto são os estudos organizados para tornar possível a extração de petróleo na camada do pré-sal.



engenharia de petróleo

O engenheiro de Petróleo atua também na logística de distribuição do óleo e seus derivados, na redução do impacto ambiental gerado em todas as etapas da cadeia de produção, da jazida à refinaria. O graduado pode trabalhar fazendo pesquisas para melhorar a qualidade do óleo, prestando consultorias sobre importação e exportação, meio ambiente, pesquisando o preço de matéria prima ou ainda captando compradores.

Além de todos estes conhecimentos, o engenheiro de Petróleo precisa conhecer a legislação sobre as atividades relacionadas ao petróleo e fundamentos de economia para identificar as melhores oportunidades internacionais. No Brasil, a maior parte das empresas que trabalham com petróleo é multinacional; portanto, o profissional precisa ao menos dominar a língua inglesa.

Curso de Engenharia de Petróleo

O curso de Engenharia de Petróleo é ministrado em diversas faculdades do país e o número de vagas vem aumentando a cada novo processo seletivo. A graduação é cursada em cinco anos. A profissão é reconhecida e regulamentada pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Para atuar na área, é necessário o registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia.

Mercado de Trabalho

Atualmente, o Brasil produz 2,8 milhões de petróleo a cada dia. As expectativas são de que este número seja duplicado até 2018. Além disto, a demanda por novas tecnologias é cada vez maior; ainda em 2014, serão interligados os 22 poços do campo do Roncador (bacia de Campos, RJ). Esta unidade tem capacidade para processar 180mil barris de óleo e seis milhões de metros cúbicos de gás natural. Além disto, a bacia de Santos deve entrar em escala de produção nos próximos meses.

Tanto a Petrobras (principal empregadora), como as empresas multinacionais que atuam nestes e em outros campos de petróleo necessitam de profissionais de nível superior, como é o caso do engenheiro de Petróleo, como de técnicos.

De 2006 até 2013, foram gerados 90 mil postos de trabalho no setor (11 mil para graduados). Estes números devem continuar crescendo: estima-se que 285 mil novos profissionais sejam recrutados nos próximos anos.

engenheiro de petróleo

Quanto Ganha um Engenheiro de Petróleo?

O salário inicial de um engenheiro de petróleo é de R$ 4.000 mensais, por uma jornada de seis horas diárias. Com dez anos de carreira, os salários podem ascender à casa das dezenas de milhares de reais, com benefícios atraentes para qualquer profissional.


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Um comentário em “Engenharia de Petróleo – Curso, Faculdade, Profissão e Salários

  1. GOSTEI DO CURSO E GOSTARIA DE O FAZER MAS NESTE MOMENTO ENCONTRO-ME EM ÁFRICA. COMO POSSO CURSA-LO E QUAL SERÁ O VALOR DE PAGAMENTO ON-LINE?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *