Como Fazer um Curso Online com Certificado pela Internet

Os cursos online oferecem muitas opções de aprendizado. Confira como aproveitar tudo que eles podem ensinar.

Eles surgiram discretamente e com muitas desconfianças, tanto dos alunos, como dos educadores. Os cursos online se popularizaram no fim dos anos 1990, quando a internet começou a chegar às residências – antes disto, os custos da conexão e dos equipamentos ainda não havia permitido que o PC se tornasse um “eletrodoméstico”. Hoje, quem se interessa pela EAD (educação a distância) pode inclusive estudar em um telecentro gratuito.

online cursos com certificado



Mas é preciso muita dedicação – e muita disciplina – para aproveitar ao máximo os cursos online. É necessário, inclusive, escolher um local adequado para os estudos, o que pode ser uma dificuldade para quem vive com uma grande família ou em uma república com muitos colegas.

De acordo com a PNAD (Pesquisa Nacional de Amostragem por Domicílios) quase quatro milhões de pessoas optaram pelos cursos online. 80% desta população optaram por cursos livres – idiomas, informática, reforço escolar, aprimoramento profissional, etc.

Nos quatro mil cursos semipresenciais autorizados pelo MEC, a maioria faz graduação online (75%). Nos cursos de especialização, pouco mais de 17% (a diferença é que, nestes cursos, é preciso frequentar as salas de aula reais – e também laboratórios, auditórios, bibliotecas – ao menos uma vez por semana). O restante dos “plugados” se divide entre o ensino fundamental ou médio (mas estas são aulas complementares, na maioria dos casos).

cursos on

Dicas de Cursos Online

Em primeiro lugar, é preciso fazer uma autoavaliação rigorosa: é preciso descobrir se consegue estudar sozinho, na frente de um computador, sem qualquer outro estímulo, seguindo uma rotina (que não precisa ser muito rigorosa) de alguns minutos ou horas diários (isto depende do curso online). Mesmo assim, o formato do curso permite esquecer as aulas para cuidar de emergências; mas não se deve deixar que se acumulem mais de três aulas, para garantir o aproveitamento.

Muitas pessoas, especialmente os jovens, costuma entregar-se a divagações, quando não cede à tentação de entrar nas redes sociais ou “só terminar aquela fase do game, que está quase no fim”.

+ Leia também: Benefícios e Vantagens dos Cursos Online

Se este é o caso, a sala de aula, os colegas, as explicações e mesmo as advertências broncas do professor são absolutamente necessárias: é preciso encontrar tempo para se matricular em um curso presencial, para aproveitar ao máximo o conteúdo oferecido.

cursos online

Cursos Livres Online com Certificado

Nos cursos livres, todas as atividades são realizadas no ambiente virtual: nas atividades formais (especialmente nos níveis técnico e superior), é necessária a presença na escola ou polo presencial para algumas atividades. Em qualquer caso, é preciso cumprir todas as atividades propostas para o período determinado – não apenas assistir às videoaulas, mas ler os textos propostos, fazer resumos, consultar bibliografia complementar e apostilas, tudo isto sem a pressão da escola: não há bedéis nos cursos online.

+ Confira: Lista de Cursos Online com Certificado aqui!

Os matriculados devem aproveitar ao máximo todas as opções oferecidas pelo curso online: vídeos, bibliotecas virtuais, consultas a tutores, discussões com professores e mestres (muito comuns nos cursos universitários online). Mas é preciso cuidado: algumas pessoas gostam de monopolizar discussões, tentar ao máximo fazer valer o seu ponto de vista, exigir porquês a cada novo ponto colocado para exposição.

Pessoas muito tímidas, até porque podem expressar suas dúvidas quase anonimamente, podem até emplacar uma pergunta inteligente – ponto positivo para aproveitar ao máximo os cursos online – enquanto os chatos (aqueles cheios de “por quê?”, cheios de “não concordo” e outros semelhantes) correm o risco de serem excluídos do chat por muitos colegas e perder boas oportunidades de discutir o assunto em pauta.

cursos online com certificado

Um problema sério, especialmente para quem se acostumou a receber todas as informações dos professores – são raras as escolas que estimulam a pesquisa em bibliotecas, museus e áreas de conservação –, é ter que buscar outras fontes.

Quem tem intimidade com o Google consegue obter melhores técnicas, para determinado ponto de crochê ou aplicações mais viáveis para a Teoria da Relatividade, por exemplo, do que aquele que aceita bovinamente os conceitos das apostilas. Mas é preciso cuidado, porque as pesquisas – especialmente na internet – estão cheias de baboseiras e textos falsos.

+ Confira: Cursos Online Reconhecidos pelo MEC

Por fim, é preciso resistir à última tentação: estudar apenas os temas preferidos. Por exemplo, quem diz: “gosto de biologia, mas citologia é o fim” deve dedicar-se em dobro a este ramo. O conhecimento só foi compartimentado há cerca de 200 anos – e mesmo assim para facilitar o ensino.


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *