Como Comprar Passagens com Milhas Aéreas – Passo a Passo

Os brasileiros estão voando cada vez mais. Veja como comprar passagens com aéreas com milhas acumuladas.

Muitos consumidores se rendem ao novo hábito da classe média: viajar de avião. É preciso ficar claro, no entanto, que os programas de milhagem não saem “de graça”: pode haver um desconto, mas as milhas já foram pagas (com a compra das passagens) e muitas vezes é preciso esperar muitos meses para “ganhar” uma passagem.

Publicidade



Como Comprar Passagens com Milhas Aéreas

comprar passagem com milhas

Milhagens são programas de fidelização dos clientes, que adquirem os tíquetes sempre nas mesmas empresas aéreas e acumulam pontos para posterior troca.


Para que isto possa acontecer, os consumidores devem consumir os serviços da companhia, que, em algumas campanhas promocionais, incluem também os gastos com o cartão de crédito, hospedagem em alguns hotéis ou compras em lojas virtuais. Na maioria dos casos, a reserva pela internet e a emissão eletrônica das passagens garante mais milhas para o usuário.

Cada aérea define os critérios para as compras de passagens com milhas. São pisos mínimos de pontuação acumulada, que pode servir apenas para amortizar a aquisição e não garantir a gratuidade da nova viagem. É importante ler o contrato com atenção: em alguns casos, há prazo de validade para usar as milhas; em outros, elas não podem ser usadas em fins de semana e feriados prolongados.

Muitos viajantes acumulam milhas e não as utilizam para novas compras, simplesmente por não entender o funcionamento destes programas. Em alguns casos, os pontos perdem a validade, sem que seus proprietários obtenham descontos ou gratuidades.

+ Confira: É Possível Viajar só com Milhas? Como Acumular Milhas?

milhas aéreas

Como Usar as Milhas para Viajar de Avião

O ideal é concentrar todas as viagens aéreas em uma única companhia. A avaliação dos serviços prestados, por serviços de defesa do consumidor, mostra que não há grandes disparidades. Assim, fica mais fácil controlar as milhas. Nunca se deve deixar de conferir o extrato, já que a principal reclamação dos consumidores é o não lançamento das milhagens devidas.

Planeje os seus passeios com antecedência, porque os descontos são maiores para compras antecipadas. De preferência, deixe as milhas para viagens de maior distância e período de permanência no destino.

Nos trajetos curtos, as companhias costumam praticar bons descontos e, nestes casos, o uso das milhas, que não pode ser combinado com outras promoções, pode ficar desinteressante.

No Brasil, diversos sites fazem a intermediação entre as companhias e os clientes que querem comprar ou vender milhas (o negócio funciona com um mercado livre de milhagens). Em períodos de tráfego aéreo muito intenso, com as festas de fim de ano e férias escolares, é possível conseguir grandes reduções nos preços das passagens.

Um exemplo é a empresa MaxMilhas e HotMilhas. A concretização da transação de compra e venda de milhas só é efetivada depois que a aérea envia um código especial para o titular das milhas, por celular ou e-mail.

Apenas com este aval, os pontos são transferidos. Quem tem milhas em excesso pode vendê-las no site. Basta fazer um cadastro, especificar o valor e a quantidade do negócio. A empresa trabalha com milhagens da TAM, Gol e Azul. Quem quer viajar pode consultar as ofertas e comparar com os preços praticados pelas aéreas, também divulgados nos sites.

+ Leia também: Profissões para Quem Gosta de Viajar


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *