Arquitetura e Design de Interiores: Qual Escolher?

Cursos de arquitetura e de design de interiores em nível de graduação capacitam estudantes para trabalhar nesta área, que vem conhecendo um crescimento concreto nos últimos anos, com a melhoria da situação econômica do país. Designers de interiores trabalham no planejamento, projeto e elaboração de ambientes, seguindo padrões de praticidade e funcionalidade, especificando móveis, equipamentos, objetos e acessórios para solucionar com criatividade os problemas e proporcionar melhoria no padrão social, estético e até ergonômico, para residências, lojas, restaurantes, etc.

Arquitetura ou Design de Interiores

Atualmente, com o aumento da preocupação com a preservação do meio ambiente, o estudo do design de interiores agrega também informações sobre materiais e equipamentos cuja produção ou fabricação contribuam com o desenvolvimento sustentável, com o uso, por exemplo, de madeira certificada, extraída sem agredir as florestas. Comparativos entre instalações que poupem água e eletricidade também são abordados.

Arquitetura e Design de Interiores



Design de interiores

O curso de tecnologia em design de interiores vai direto ao ponto: capacita o aluno para criar e decorar ambientes, oferecendo noções de iluminação, ventilação, praticidade das instalações elétricas e hidráulicas, sempre considerando o poder aquisitivo do cliente.

Uma área que era comum em outros países, mas relativamente rara no Brasil, é a da sugestão de ambiente nas lojas de móveis e de material de construção e reforma. Uma loja popular atualmente não vende apenas o conjunto de sofá: sugere opções de tapetes, mesinhas, acessórios e objetos de decoração. Lojas mais sofisticadas oferecem alternativas de decoração personalizada, construindo maquetes dos ambientes a partir da planta do imóvel dos clientes.

O tecnólogo em design de interiores também aprende a administrar mão de obra, já que no seu dia a dia o profissional precisa lidar com pedreiros, pintores de parede, eletricistas, encanadores, montadores, etc.

Por ser um curso específico, este tecnológico é cursado em quatro ou cinco semestres e é oferecido por faculdades e centros universitários em todo o país. Não foram encontradas opções gratuitas deste curso de graduação, que permite a continuidade dos estudos em pós-graduações lato e stricto sensu.

A principal desvantagem, para quem faz o superior de design de interiores, é a própria especificidade, o que limita as opções de inserção no mercado de trabalho. Além disto, existe a concorrência dos arquitetos e de profissionais formados em cursos técnicos (de nível médio) e mesmo cursos livres, alguns deles gratuitos e realizados a distância.

+ Leia também: Curso de Decoração de Interiores

Os diferenciais que permitem o destaque no mercado são a criatividade, a capacidade de negociar com clientes, fornecedores e mão de obra, a funcionalidade das soluções apresentadas e o cumprimento dos prazos acertados.

Arquitetura x Design de Interiores

Arquitetura e urbanismo

O arquiteto é o profissional responsável pelo projeto e coordenação da construção ou reforma de imóveis residenciais, comerciais e industriais. É ele quem faz a planta e determina os materiais a serem utilizados na obra, sempre pensando na destinação do prédio, ventilação e iluminação. Ao lado do engenheiro, acompanha a construção e deve administrar custos e mão de obra.

Nas etapas finais da obra, participa desde a escolha dos revestimentos até a decoração de interiores. Por exemplo, num condomínio residencial, é ele quem decora as áreas comuns (portaria, estacionamento, saguões de pavimento, etc.) e equipa as áreas de lazer.

A função do urbanista é planejar o crescimento de cidades e bairros, em projetos que variam desde a urbanização de favelas até a construção de cidades como Brasília e Palmas (TO). Urbanistas também trabalham com identidade visual, tanto no mobiliário urbano (posicionamento de sinalização e postes de iluminação, design de paradas e terminais de ônibus, etc.), área em que compete com os tecnólogos em identidade visual.

Arquitetura é um curso clássico. Desvinculado das engenharias e das belas artes, é oferecido no Brasil desde 1939, mas sua história remonta, no Ocidente, à Renascença europeia (fim da Idade Média). Nas faculdades brasileiras, é oferecido como bacharelado, em cursos com duração entre oito e dez semestres. Praticamente todas as universidades públicas oferecem o curso, além de instituições particulares de excelência.

O mercado de trabalho está sempre em expansão, já que se trata de um profissional que planeja a criação e construção de casas e o Brasil apresenta um imenso déficit habitacional, com parcela significativa da população vivendo em áreas de risco ou invasões. Além disto, os eventos esportivos que serão realizados no país nos próximos anos exigem a atuação do arquiteto, não apenas na construção de estádios e ginásios, mas também em projetos de mobilidade urbana que permitam aos torcedores chegarem aos locais de competição, e também os ligados à hotelaria e gastronomia. Os bairros em que os novos estádios estão sendo erguidos devem atrair investimentos imobiliários.

Arquitetura ou Design de Interiores

Arquitetura ou Design de Interiores, como decidir a área?

A arquitetura é um curso que oferece uma visão mais ampla para os estudantes, o que pode ser um problema para quem quer uma formação prática e rápida; neste caso, a melhor opção é o design de interiores.

Para escolher, o ideal é comparar as grades curriculares dos dois cursos. O aluno deve procurar imaginar-se estudando as disciplinas requeridas em arquitetura e em design de interiores. Arquitetura, por exemplo, requer conhecimentos de física (uma das funções do arquiteto é calcular a resistência dos materiais que serão utilizados nas obras).

+ Dica do dia: Como Decorar uma Sala Pequena

O salário inicial de um designer de interiores é bastante inferior ao do arquiteto: R$ 1.500 contra R$ 3.000. No entanto, este não deve ser o critério da escolha: são duas profissões que exigem muita criatividade e capacidade de operacionalização, que determinarão o sucesso ou fracasso profissional.


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *