13º Salário – Calcule Corretamente e Veja Quanto irá Receber

Final de ano chega e muitos querem saber quanto irão receber de 13º salário, não é mesmo? Fazer contas e cálculos para saber se dará para fazer aquela viagem de fim de ano, uma reforma em casa, ou dar entrada em um carro. São muitos os planos dos brasileiros em cima do décimo terceiro salário. Porém nem todos sabem calculá-lo, por isso reservamos esse artigo onde ajudaremos você a entender melhor como funciona o 13º.

Tudo sobre o 13º Salário

13º Salário

Primeiro de tudo, é necessário saber que quem tem direito a receber o décimo terceiro salário são:



  • Trabalhadores regidos pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), ou seja, com registro em carteira, de empresas de qualquer porte
  • Empregados domésticos
  • Trabalhadores avulsos, contratados por meio de sindicatos, como os portuários
  • Aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e da previdência pública estadual e municipal. Neste caso, o benefício se chama abono anual
  • Trabalhadores rurais
  • Trabalhadores com contrato temporário (proporcional ao período de atividade)

Se você faz parte desse grupo de trabalhadores, vamos as explicações na prática:

Se o trabalhador está entrando na empresa a partir de 1º de Setembro, terá direito a receber 4/12 avos de 13º salário (relativos aos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro). Se seu salário é de R$ 1.200, terá esse valor dividido por 12 e multiplicado por 4. Não entendeu? Explicamos:

R$1.200 / 12 meses = R$100 x 4 meses de trabalho (setembro, outubro, novembro e dezembro) = R$ 400

Outra informação importante de saber é que o 13º salário é pago em duas parcelas. A primeira parcela é paga até o dia 30 de novembro e a segunda é paga até o dia 20 de dezembro. No exemplo citado acima, até o dia 30/11 o empregado receberá R$ 200,00 brutos e até o dia 20/12 mais R$ 200,00 brutos. Mas na 2ª parcela há descontos referentes a previdência social e imposto de renda.

Quanto de desconto terei no 13º salário?

O desconto da Previdência Social varia conforme a tabela que é corrigida anualmente. Para valores até R$ 965,67 o desconto é de 8%, porém essa porcentagem aumenta para 9% caso os valores sejam até R$ 1.609,45, e podendo a chegar a 11% de desconto caso chegue no valor até o limite do teto que é R$ 3.218,90. No exemplo que estamos usando, 8% de 400,00 equivale a R$ 32,00. Então na primeira parcela ele receberia os R$ 200,00 e na 2ª parcela receberia apenas R$ 168,00 (os R$ 200,00 menos os R$ 32,00 da Previdência Social).

Imposto de Renda incide sobre 13º também

Já o desconto do Imposto de Renda só atinge a quem tem remuneração líquida (o valor do 13º salário menos o desconto da Previdência Social e menos os valores relativos aos dependentes) a partir de R$ 1.434,60. A tabela completa está disponível no site da Receita Federal. No nosso exemplo, o empregado está isento de desconto do imposto de renda, pois o valor não chega a R$1.434,60.

Afinal, quanto receberei de 13º salário?

Voltando então aos cálculos de quanto receber de 13º salário, até o dia 30/11 o empregado que ganha R$ 1.200,00 e tem direito a 12/12 avos (ou seja, trabalhou integralmente todos os meses do ano) receberá R$ 600,00 de adiantamento de 13º salário (também chamado de 1ª parcela). E até o dia 20/12 receberá os R$ 1.200,00 com o desconto da Previdência Social sobre esse valor (9% = R$ 108,00) e com o desconto do adiantamento (R$ 600,00), levando então para casa somente R$ 492,00.

Esperamos que esse artigo tenha sido útil!

+ Leia também: Salário Mínimo 2013


Gostou? Compartilhe nas redes sociais :)

Cursos Gratuitos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *